Dia Mundial do Meio Ambiente
05 de Junho



Por: Rosmari A. M. Lazarini
1

Comemorado em todo o mundo, o Dia Mundial do Meio Ambiente foi promulgado durante a Conferência de Estocolmo, em 1972.

Com a finalidade de difundir a mensagem de preservação do Meio Ambiente, as comemorações oficiais ocorrem a cada ano em uma cidade diferente no mundo.

Esta data, uma das mais importantes do calendário ecológico, é comemorada durante a Semana do Meio Ambiente através de diversos eventos e atividades que são promovidos por órgãos municipais, estaduais, federais e privados.

Alguns documentos como a Carta da Terra e a Agenda 21 constituem instrumentos importantes para a proteção do planeta como um todo. A legislação ambiental brasileira é considerada uma das mais avançadas do mundo. No plano da Constituição Federal, existe um capítulo inteiro dedicado ao meio ambiente.

A Carta da Terra, concebida como um código de ética global por um desenvolvimento sustentável e apontando para uma mudança em nossas atitudes, valores e estilos de vida, envolve três princípios independentes: os valores que regem a vida dos indivíduos; a comunidade de interesses entre Estados; e a definição dos princípios de um desenvolvimento sustentável.

A Agenda 21 constitui um instrumento para implementar um modelo de desenvolvimento sustentável. Foi criada para ajudar a formular políticas públicas voltadas para garantir a sustentabilidade econômica, social e ambiental dos projetos de desenvolvimento.

O rápido crescimento populacional ocorrido desde o século passado em todo o mundo e o aumento de bens de consumo gerou conseqüências sérias ao Meio Ambiente. Aumento do lixo, escassez de água, poluição do ar e da água, exploração dos recursos naturais renováveis e os não-renováveis são exemplos de fatores que causam a degradação ambiental e que ameaçam o equilíbrio da Terra.

Devido aos impactos gerados pela ação humana, esta situação é encontrada hoje no mundo inteiro e é o resultado de toda a história humana que nos antecedeu.

Ações de conscientização e implantação de um sistema de gestão ambiental capaz de construir, no dia-a-dia, mudanças de hábitos e novas práticas ao uso racional dos recursos naturais são necessárias.

Um cidadão consciente é aquele que pratica o consumo sustentável, seja na economia de água ou na compra de um produto ecologicamente correto. Modificar o padrão de consumo não é uma tarefa fácil, mas orientações simples podem ajudar nesta mudança.

A partir de reflexões, deve-se ter em mente que cada um de nós faz parte do meio ambiente e, portanto, cada cidadão tem sua cota de responsabilidade.

Fritjof Capra, físico ecologista disse: “O futuro da humanidade depende da alfabetização ecológica dos seres humanos e da nossa capacidade de convivermos com os princípios da Ecologia”. (Professou para uma platéia de 1.500 educadores, durante palestra sobre Alfabetização Ecológica na noite de encerramento do Fórum Mundial de Educação).

Preservar o Meio Ambiente é cuidar do futuro!

OBS.: Em 2005, a comemoração oficial terá sua sede em São Francisco, Califórnia, com o
tema internacional Cidades Verdes — Planejando o Planeta!



1
Bióloga e editora do site: www.floraefauna.com

<< Voltar


Sugestões e comentários sobre este portal: rosmari@floraefauna.com
Copyright © 2004 - 2007 - Flora e Fauna. Todos os direitos reservados.